Instituições e estrutura

Rotary é uma organização de base, cujos serviços são prestados pelos associados dos Clubes Rotários. Líderes rotários distritais e internacionais dão suporte a estes clubes para que possam ajudar populações locais e de outros países.

 

Clubes

 

Os rotários são associados de Rotary Clubs, que fazem parte da associação mundial Rotary International (RI). Os clubes elegem os seus dirigentes e dispõem de uma considerável autonomia dentro dos Estatutos e Regimento Interno do Rotary.

 

Distritos

 

Os clubes são agrupados em distritos, comandados por um governador. Líderes distritais, incluindo governadores assistentes e membros de várias comissões, dirigem e dão suporte aos clubes. As Conferências Distritais acontecem anualmente para celebrar as conquistas do distrito e congregar rotários dos clubes que o compõe.

 

Conselho Diretor

 

O Conselho Diretor, do qual também fazem parte o presidente e o presidente eleito do RI, reúne-se trimestralmente para deliberar normas. Os diretores são eleitos para representar Rotary Clubs no território de uma determinada zona (grupo de distritos).

 

Fundação Rotária

 

A Fundação Rotária está sob a supervisão de seu Conselho de Curadores, do qual também fazem parte o seu chair e chair eleito. Os curadores são indicados pelo presidente do RI e aprovados pelo Conselho Diretor.

 

Secretaria

 

A Secretaria, ou quadro de funcionários do Rotary, é dirigida pelo secretário-geral. Os funcionários estão espalhados entre a sede mundial, que fica perto de Chicago; e escritórios internacionais na Argentina, Austrália, Brasil, Índia, Japão, Coreia e Suíça. O escritório do RI na Grã-Bretanha e Irlanda (RIBI) está na Inglaterra e serve os clubes e distritos daquela região.

 

Plano Estratégico do RI

 

O Plano Estratégico do RI concentra os esforços do Rotary nos clubes, ajudando-os a expandir os seus serviços e divulgar o seu trabalho. As três prioridades do plano são, igualmente, importantes para o futuro da organização:

• Fortalecer e apoiar os clubes

• Dar mais enfoque e expansão aos serviços humanitários

• Aumentar a projeção da imagem pública da organização